CONSTRUÇÃO EM PORTUGAL

Armando Bras

A água não está a escoar corretamente, o que devo fazer?

Canalização, Desentupimentos No Comment

Quando poças de água começam a se acumular nos chuveiros, banheiras e pias é um sinal de que seus drenos não estão a funcionar como deveriam. Os problemas mais comuns acontecem em drenos de pias e lavatórios. Verifica-se uma lentidão na hora de descer a água ou nota-se um frequente retorno da água. Outros indícios de problemas são áreas húmidas próximas de paredes que contêm drenos e sons incomuns quando a água é drenada. No entanto o que aconselhamos é que contrate um serviço profissional para resolver o seu problema! A boa notícia é que no nosso país existem, de facto, profissionais fantásticos! Por exemplo os canalizadores Lisboa, talvez por existir muita competição, estão mesmo muito evoluídos – tanto a nível técnico como de material!
Se está a enfrentar algum desses problemas, veja como agir:

  1. Avalie a questão: se o problema for isolado, pode estar a enfrentar uma conexão ruim entre o tubo de drenagem e o principal. É possível que haja um entupimento que pode ser resolvido desmontando-se a tubulação, removendo os materiais estranhos e montando-a novamente. Normalmente esse tipo de problema acomete as pias das casas de banho e de cozinhas. Algumas vezes é possível resolver sem desmontar as tubagens, apenas limpando manualmente os ralos.
  2. Analise o caminho da água: veja por onde a água está a correr e onde deve ser drenada. A água deverá passar por conexões, que se unem aos tubos de coleta e alcançam a rede de esgoto. Se ela não percorrer esse caminho, derrame água quente nos ralos que não estão a funcionar corretamente. A água quente é capaz de desobstruir as tubagens, dissolvendo as substâncias estranhas ali presentes. Em alguns casos, use também produtos de limpeza que dissolvem restos de sabão, gordura, cabelos e outros motivos de entupimento.
  3. Examine com frequência os sistemas de dreno: verifique as entradas de água limpa e as saídas de águas esgotadas. Tenha certeza de que tudo está a funcionar corretamente.
  4. Isole tubagens de água fria e de água quente: essa medida evita gastos desnecessários e ajuda a diminuir as contas.
  5. Substitua os tubos antigos: tubagens de ferro e cobre foram muito utilizadas antigamente. Mas, esses materiais, podem se degradar com o tempo e contaminar a água, além de facilitar as fugas. Troque as tubagens da sua casa por modelos mais modernos em plástico ou PVC.

agua nao escoa

A minha casa de banho está com mau cheiro ou estou com tubagens mau cheirosas na cozinha!
O mau cheiro que vem das tubagens costuma incomodar bastante, ele pode aparecer na casa de banho, na cozinha, na lavandaria, no pátio e em vários outros locais.

  1. Confira o estado do sifão: o mau cheiro pode ser causado por resíduos que se acumulam no sifão. Retire-o uma vez por mês e limpe-o bem, retirando todos os resíduos.
  2. Use água morna e bicarbonato: misture meio litro de água, com 200 ml de vinagre branco e 100g de bicarbonato de sódio e despeje nos ralos. Deixe repousar por 30 minutos e, em seguida, despeje um pouco de água quente. Isso irá ajudar a neutralizar os odores e manter seus tubos limpos.

Como você pode notar existem muitos problemas pequenos que podem ser consertados por você mesmo, sem a necessidade da contratação de um canalizador. Porém, caso não se sinta seguro em resolver algum desses itens, ou se, mesmo com as nossas dicas, não conseguir resolver o problema, sempre opte pela ajuda de um profissional.

Armando Bras

Como funciona um sistema solar fotovoltaico?

Construção, Energia Solar No Comment

Antes de falarmos sobre um sistema solar fotovoltaico é necessário que você saiba o que é a energia solar. Pois bem, essa é compreendida como a transformação da luz solar em energia elétrica que poderá ser usada para o funcionamento de diversos aparelhos eletrodomésticos em seu lar ou empresa, como microcomputadores, televisores, geladeiras e muito mais.

sistema fotovoltaico
A principal forma de geração de energia por meio da luz solar é o sistema fotovoltaico. Para que esse processo aconteça são necessárias algumas peças que compõem esse sistema, como a placa ou painel solar, o inversor solar, entre outros. Se estiver interessado em instalar um sistema painéis solares, no JAE aconselhamo-lo a pedir uma cotação na GoSolar (http://www.gosolar.pt) ou a procurar no Google que vai encontrar bastantes oportunidades para a solicitação de orçamentos, grande parte das vezes grátis!

Itens que compõem o sistema solar fotovoltaico

Para que a luz solar seja transformada em energia elétrica, alguns mecanismos devem estar presentes no seu sistema solar fotovoltaico, como:

  • Placas ou painéis solares: a luz solar atinge as placas solares – que possuem células específicas feitas em silício, capazes de transformarem essa radiação em energia de corrente contínua. Os painéis, em geral, são instalados nos telhados dos lares e conectados uns aos outros. Existem vários tipos de painéis, feitos com materiais diferentes, que possibilitam maior ou menor índice de conversão da luz solar em energia elétrica. Para cada caso, analisa-se o espaço em questão e a necessidade energética, diante dessas informações um determinado tipo de painel é indicado.
  • Inversor solar: como dissemos a energia gerada nos painéis solares é de corrente contínua. Porém, todos os nossos eletrodomésticos e eletroeletrônicos se utilizam da corrente alternada. O responsável por realizar essa modificação é o inversor, que permite transformar a energia gerada nos painéis em fonte para alimentar nossos televisores, computadores, refrigeradores e muitos outros itens.
  • Controladores de carga: funcionam como válvulas para o sistema, evitam sobrecargas ou descargas potentes nas baterias, aumentando a vida útil e o desempenho de todo o sistema.
  • Baterias: são fundamentais, principalmente em sistemas de autoconsumo, pois permitem o armazenamento da energia gerada para ser usada em dias de pouco sol, nublados e chuvosos e períodos noturnos.
    Estes itens podem ou não estar presentes em seu sistema solar fotovoltaico, isso irá depender se está a possuir um sistema isolado – que neste caso irá dispor de baterias e controladores de carga-, ou de sistemas conectados à rede- que funcionam apenas com painéis e inversores, já que não necessitam de armazenar energia.
Armando Bras
Armando Bras
Armando Bras

Pesquise no site!

Vamos nos conectar!

banner-sidebar-conteudo
quemsomos

IMOBILIÁRIO DO MARKETING BRASIL!

banner-vivacorretor-vendas-300x300
Web Design BangladeshWeb Design BangladeshMymensingh